Egressa do PPGEISU é aprovada no 1º lugar em concurso para professora da UFAM

Egressa do Mestrado no Programa de Pós-Graduação em Estudos Interdisciplinares Sobre a Universidade (PGEISU/IHAC/UFBA), Greyssy Kelly Araújo de Souza, foi aprovada em primeiro lugar no concurso público para professora do Instituto de Ciências Sociais, Educação e Zootecnia da Universidade Federal do Amazonas (UFAM). Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), iniciou a trajetória acadêmica através das ações afirmativas no curso de Serviço Social da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), onde exerce a função de docente substituta .



No PPGEISU, Greyssy adotou como tema de pesquisa “A permanência de estudantes de camadas populares na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia”, estudo defendido em 2016, sob a orientação professora - doutora Sônia Sampaio, e co-orientação da professora-doutora Dyane Brito. Foi bolsista da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB), e integrou o Observatório da Vida Estudantil (OVE), grupo de pesquisa ao qual credita a nota dez obtida na etapa de avaliação da produção acadêmica do certame. “As publicações que passei a fazer bem como as participações nos eventos acadêmicos oportunizado através do trabalho realizado em coletivo no OVE contribuíram muito para o êxito no concurso”, afirma.


No doutoramento, Greyssy investigou os “Caminhos para a Universidade: Expectativas de estudantes concluintes do Ensino Médio em escolas públicas na Bahia e Rio de Janeiro”, contando com a orientação da professora-doutora Rosana Heringer. Ela destaca a importância de participar ativamente de grupos de pesquisa durante o percurso de formação. “Minha trajetória de pesquisa é marcada pela participação no OVE, onde além das partilhas afetivas e aprendizados compartilhados com o grupo, as professoras Sônia Sampaio líder do OVE e Georgina Gonçalves – vice-líder do OVE, fizeram a diferença, não apenas em termos práticos e objetivos, mas na minha formação enquanto professora-pesquisadora, pois via nelas os exemplos do que eu queria ser no futuro. O perfil docente e de pesquisadora que eu quero ser e estou me tornando”.


Atualmente, Greyssy Kelly Araújo de Souza é Pesquisadora do Programa de Políticas de Educação Superior da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (FLACSO – Brasil); compõe o Grupo Estratégico de Análise da Educação Superior (GEA/FLACSO); atua no Laboratório de Estudos e Pesquisas em Educação Superior – LEPES (UFRJ), e Integra o Grupo de Estudos e Pesquisas dos Sistemas Educacionais – GESED (URFJ).

44 visualizações0 comentário